A verdade está para o Ser como a luz está para a chama, é de sua natureza e é inseparável dela.

Ser sincero consigo próprio, haja o que houver, este é o verdadeiro sentido de Satya, assumir com coragem a sua real natureza, os pensamentos que se passam na mente, as vontades que se tenha, por mais insanas que sejam pois, se isto ocorreu é porque esta dentro da pessoa e ignorar isso é como um homem sem pálpebras tentar fechar seu olhos.

Agindo assim, a mente perde a função auto-justificativa condicionada pela presença do ego, sua atividade foi eliminada e sendo assim lhe resta o silencio, nessa condição a mente só é, como indicado no verso 2.36 do Yoga Sutra que completa a instrução dizendo que o que quer que surja após esta atitude é fruto da vontade verdadeira.

Satya é o óleo que unge o Yoga e é a sua luz pois, olhando a vida, a prática de Yoga através de Satya não restará dúvida de onde se está e o que se está fazendo, é solo firme para se dar o próximo passo.

Anúncios

Sobre Léo Nascimento

um caminhante

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s